Os indisciplinados

Banda de Afro-Jazz

19 Mai 18h30
Os indisciplinados

A Banda (In)Disciplinados é um agrupamento de jovens músicos, que abraçou a música nos géneros Jazz, Afro Jazz, Marrabenta e ritmos africanos locais. O grupo nasceu em 2014 na escola de comunicação e artes (ECA), departamento de música da Universidade Eduardo Mondlane, e está desde a sua nascença trabalhando forte para ganhar espaço no mercado musical do jazz e música ligeira moçambicana, como banda independente, assim como juntar-se a outros artistas no que concerne ao acompanhamento e intercâmbio cultural.
A banda nasce a quando da introdução da disciplina “Assamble” leccionada pelo músico compositor e intérprete professor Jimmy Dludlu, ele que é o mentor da mesma.
O nome Indisciplinados foi atribuído a banda pelo professor Jimmy Dludlu, visto que no nascimento desta, não havia assiduidade entre os membros, facto que levou o professor Jimmy a escrever uma carta de expulsão do grupo. Posteriormente a banda ficou disciplinada para que não fosse expulsa e passou a frequentar as aulas conforme dita o currículo.
Aparentemente o nome Indisciplinados era dilemático para alguns, dado que nele está subentendido um comportamento rude e de mau agrado. Assim sendo, mudou-se o nome de “Indisciplinado” para “Os Disciplinados”. Mas os simpatizantes não concordaram com o nome, alegando eles que o nome “Indisciplinados” nos identificava pelo facto de sermos muito jovens a tocar a nível dos mais experientes. Desse jeito, a banda encontrava-se perante uma indecisão na mudança ou escolha do nome. A melhor forma que a banda achou para satisfazer ambas partes, foi adoptar o nome (In)Disciplinados, onde inseriu-se o prefixo “In” dentro de parênteses, aproveitando-o como termo Inglês “In” que significa dentro ou em, seguido do adjectivo Disciplinados, resultando assim no nome (In)Disciplinados, termo cujo significado é dentro da disciplina ou em disciplina.
A banda é composta por 5 elementos a citar:
• Domingos Aligema – Baixista;
• Déuscio Vembane – Pianista & Vocalista;
• Regino Matimbe – Guitarrista;
• Sarmento de Cristo – Saxofonista.
• Tonny Guindo – Baterista;